Fundos de Investimentos: conceitos básicos, mas importantes!

Por Danilo Brito, CFP®

Hoje vou falar com vocês sobre um tema muito importante: Fundos de Investimentos. Irei abordar aqui os conceitos básicos sobre o tema para que consigamos ter a ideia geral.


Vamos começar do começo!


O fundo de investimento é uma comunhão de recursos, constituído sob a forma de condomínio, destinado à aplicação em ativos financeiros.


Quando o objetivo é investir seus recursos em títulos públicos, privados ou em ações (entre outros instrumentos), o investidor pode, por exemplo, acessar o banco de sua preferência e aplicar em CDB (ou seja, emprestar seu dinheiro para o banco com a promessa de um retorno). Porém, há diferença entre o investidor que chega com R$ 500,00 ou R$ 5.000.000,00. O banco dará, por exemplo, um rendimento de 90% do CDI para o primeiro e 102% do CDI para o segundo. Ou seja, há diferença de rendimento de acordo com o volume aplicado em muitas instituições.


Agora imagine que esse investidor juntou seus R$ 500,00 mais os recursos de sua família e amigos e foi ao banco com R$ 10.000.000,00 para aplicar no mesmo CDB. Você já sabe o resultado, o banco lhe oferecerá, por exemplo, um rendimento de 105% do CDI.


Com esse exemplo dá para perceber uma das vantagens de se investir em “conjunto”: conseguir taxas de retorno que individualmente não conseguiria. Essa ideia de se investir em conjunto é uma das definições de fundos de investimentos. A definição que está artigo 3º da instrução CVM 555 (que inicia esse texto) diz que fundo de investimento é uma comunhão de recursos (investimento em conjunto), constituído sob a forma de condomínio, que pode ser trazido aqui como sendo semelhante à um condomínio de apartamentos. Os moradores possuem os mesmos direitos, deveres, todos pagam uma taxa para os serviços comuns. Se um morador possui 2 apartamentos, terá os mesmos direitos do que possui apenas um. Os fundos de investimentos comungam da mesma ideia, conforme veremos na sequência.


Investimento individual x investimento coletivo