Indicadores financeiros. Entenda o CDI, a Selic, o Ibovespa, entre outros

Por Ednar Sacramento, CFP®



Cada segmento de mercado tem suas referências e termos específicos, e dentro do universo financeiro e de investimentos não é diferente. Quando consideram a avaliação de investimentos, muitas pessoas não conseguem analisar se os produtos de investimentos que possuem apresentam retornos interessantes por não saberem como avaliar a carteira de investimentos.


No mercado de investimentos há indicadores financeiros que são extremamente importantes para mensuração do desempenho dos ativos. Aos investidores, não é necessário ser um especialista no mercado para comparar os investimentos e uma etapa vital da avaliação é comparar o desempenho do ativo frente ao indicador, o que no termo de mercado chamamos de benchmark.


O benchmark é utilizado com referência de mercado para o investidor acompanhar o desempenho de sua carteira de investimentos. Fugindo da sopa de letrinhas com nomes específicos, acreditamos que é imprescindível conhecer os principais indicadores utilizados no mercado financeiro. Especialistas e profissionais do mercado falam com bastante facilidade na taxa CDI, do desempenho do Ibovespa e outros nomes como IPCA entre outro, mas afinal, quais são os principais indicadores financeiros mais utilizados? Vejamos a seguir:


➢ Selic

A taxa básica de juros brasileira, a Selic, é a taxa de financiamento para operações de um dia no mercado interbancário. O Comitê de Política Monetária (Copom) é o órgão responsável por estabelecer a meta para a taxa básica de juros que é utilizada com uma taxa de referência para a economia no Brasil.


➢ CDI

A taxa CDI (Certificado de Depósitos Interbancários) é obtida mediante o cálculo da taxa média ponderada dos juros praticados pelas instituições financeiras. O CDI é utilizado como um dos principais indicadores do mercado financeiro, a principal referência para comparar a rentabilidade de aplicações em renda fixa, fundos de investimentos, fundos de previdência, entre outros. No jargão de mercado o CDI é medido por percentual, onde, 100% representa a taxa CDI e no comparativo, os produtos de investimento que utilizam o CDI como benchmark geralmente objetivam ter retorno superior ao CDI.


➢ Inflação (IPCA e IGP-M)

A inflação é um indicador bastante utilizando no mercado financeiro e os principais índices de inflação utilizados são o IPCA e o IGP-M. Quando há uma aplicação com retorno equivalente ao índice somado a determinada taxa, considera-se a taxa fixa a rentabilidade real do investimento (descontada inflação). No universo de investimentos este tipo de indicador/remuneração é observado visando apresentar o retorno real dos investimentos.


O IPCA (Índice de preços do consumidor amplo) é o índice de inflação oficial do Brasil calculado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e a inflação, que foi temida nas décadas de oitenta e noventa, reflete o aumento dos preços de bens e serviços. Já o IGP-M (Índice Geral de Preço é calculado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi criado para balizar as correções monetárias de alguns títulos públicos.


➢ IMA